Momento Poético

NATAL de CENTRO COMERCIAL

Descem e sobem escadas,

levantam-se e sentam-se no banco,DSC02551

E depois em lojas apinhadas,

Esgotam a bolsa e o Multibanco

Passam velhos penteadinhos

e jovens que são carecas,

Há gordos e há magrinhos

E as damas com que pecas.

 

Há pintas e há medrosos,

Há nacionais e turistas,

Há certos e duvidosos,

Há público, palco e artistas.

 

Há mini saias com pregas

Que te encandeiam as vistas,

A imaginação apalpa às cegas

As fêmeas e as feministas.

 

Há calças de ganga justas,

Com rasgos pelos joelhos,

As coxas ofuscam as vistas

E cegam novos e velhos.

 

Junto à caixa Multibanco

Junta-se o maralhal,

Ela é hoje o novo Tronco

Do pinheiro de Natal.

 

José Jacinto “Django”

Anúncios


Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s